Santos/SP – Desfiles do Grupo Especial começam hoje com transmissão ao vivo

0
402
Contagem regressiva para a folia em Santos!
Neste Sábado (15/02), as escolas que compõem o Grupo Especial desfilam na passarela Dráusio da Cruz. Para essa noite não existem mais ingressos disponíveis.
Desfilam Dragões do Castelo (escola convidada) e Mãos entrelaçadas, Real Mocidade, Unidos dos Morros, União Imperial, Amazonense, Mocidade Dependente, X9 e Vila Mathias, pelo Grupo Especial.
O evento terá a transmissão do G1 para todo o Brasil, confira a ficha técnica:
1Mãos Entrelaçadas – Enredo: “Assim caminha a humanidade: em busca das origens e da verdade”

Com a missão de abrir o Grupo Especial, a Mãos entrelaçadas convida o folião para mergulhar nas origens da humanidade visando a resposta da indagação sobre o verdadeiro sentido da vida. Para isso , o carnavalesco Regis Lopes discorre pela história da evolução do homem desde a Idade da Pedra, passando pelo mundo antigo e suas incríveis civilizações da Grécia, Egito, Índia, China até, finalmente, chegar as Américas nos dias atuais.

A escola, fundada em 2015, estreará em 2020 no Grupo Especial de Santos após faturar o título do Grupo de Acesso no último carnaval, e buscará dar continuidade à sua trajetória de sucesso e êxitos na folia. O carnavalesco Régis Santos segue em seu segundo ano consecutivo na agremiação.

  • Carnavalesco: Regis Lopes
  •  Mestre de bateria: Mestre Beto Khabello
  • Mestre sala e Porta Bandeira: Edgar Carolina e Marcela 
  • Intérprete: Thiaguinho e Daniel Collete

COMPOSITORES: IZILDO PEREIRA, MÁRCIO FRANÇA, FAVO SALGADO, DUKINHA DA LADEIRA, OSWALDO AREIA E JUNINHO DE PAULA.

 

2- Real Mocidade Santista – Enredo: “Ayô – O senhor dos tambores!” 

Com a força dos tambores africanos a Mocidade Real Santista busca em 2020 ter sua melhor colocação na história do carnaval de Santos.

Ancestralidade, axé, arte, miscigenação estarão presentes no desfile desenvolvido pelo carnavalesco Michael Smith, que segue em seu segundo ano pela escola.

Conhecida como a escola mais simpática de Santos, terá como destaque a despedida de Neia Ribeiro, que reina à frente da bateria da escola pelo período de 10 anos. Pilares do samba, as baianas  ganhadoras do Estandarte Santista também prometem dar mais um grande espetáculo na passarela Dráusio da Cruz.

Em 2019, a Real Mocidade Santista conquistou o 5o lugar  com um enredo exaltando os 110 anos da umbanda.

  • Carnavalesco: Michael Smith
  • Intérprete : Joãozinho Oliveira 
  • Mestre sala e Porta bandeira : Rafael Santos e Kelly
  • Rainha de Bateria : Neia Ribeiro
  • Mestre de Bateria: Gordo da Real (Felipe) 

 

3 – G.R.C.E.S. Unidos dos Morros – “A beleza de ser um eterno aprendiz!”

” A beleza de ser um eterno aprendiz! ” será o tema da tradicional tricolor de Santos. Igor Macagi, carnavalesco da escola nos convida a embarcar na história de vida de um jovem aprendiz do CAMPS – Centro de Aprendizagem Mobilização Profissional e Social de Santos.

“A nossa proposta é dar protagonismo, traçando, de forma poética, o perfil do jovem aprendiz, que, por meio de uma figura central, irá permear todo nosso enredo, expressando totalmente seu ciclo de aprendizagem e sua vida”, explica o carnavalesco.

Destaque e campeã 11 vezes consecutivas do Estandarte Santista, a bateria Chapa Quente de mestre Daniel será reinada por Camila Silva, ícone do carnaval paulista e carioca.

A escola ganhou seu último título em 2016, e possui 2 títulos no carnaval Santista.

  • Carnavalesco: Igor Macagi
  • Intérprete : Gustavinho e Ito Melodia 
  • Rainha : Camila Silva 
  • Mestre de Bateria: Daniel
  • Mestre sala e Porta Bandeira : Renatinho e Fabíola

Compositores: Nikinha – Marcio (Índio) – Celso Tom Maior – Da Rima – Cabelo – Edinho Ribeiro – Gian – Diegues – Zé Robertto e Renato Hulk.

4 – Escola de Samba União Imperial – “De verde, rosa e louco… todo mundo tem um pouco!”

Com o enredo ” De verde, rosa e louco… todo mundo tem um pouco!”, a União Imperial promete enlouquecer a baixada santista e o Marapé abre as portas de seu sanatório e leva os loucos, lunáticos, malucos e desequilibrados da história da humanidade para passarela Drauzio da Cruz.

A verde e rosa em sua luta pelo tricampeonato, manteve seu carnavalesco Renan Ribeiro que fará seu quarto carnaval pela escola.
Os ritmistas comandados por Mestre Fábio Manguinha terão como inspiração à frente de sua bateria a beleza de sua madrinha Sheila Carvalho e a estreia de Viviane Araújo como rainha de bateria.
Campeã em 2019, a escola faturou três prêmios Estandarte Santista nas categorias, melhor escola, melhor alegoria e destaque.

Carnavalesco: Renan Ribeiro
Rainha de Bateria : Viviane Araújo
Madrinha de Bateria: Sheila Carvalho
Intérprete : Silvinho
Mestre de bateria:Fábio Manguinha
Mestre Sala e Porta Bandeira : Alex Malbec e Camila Moreira

Compositores: Lello Garoto, Oswaldo Areia, Pablo do Cavaco, Caraúba, Fábio Duarte, Luciano Tick e Adelsinho do Marapé.

 

 5- GRES Mocidade Amazonense – “Quilombo do samba… coisa de pele!”

Agremiação da cidade de Guarujá, mas desfilante do carnaval santista, a verde e branco apresenta o enredo “Quilombo do Samba – Coisa de Pele!”, em sua busca do terceiro título.

Idealizado pelo carnavalesco Cláudio Cebola, que também assina o enredo da paulistana Camisa Verde e Branco, a agremiação contará a história do samba, adentrando em suas raizes africanas, sua identidade formada no Rio de Janeiro e Bahia até sua expansão a todo o território do Brasil e do mundo.

Ganhadores do Estandarte Santista, o intérprete Jacaré e a rainha de bateria Janaína Paiva abrilhantarão mais um ano o desfile da escola.

Em 2019, a Mocidade Amazonense obteve a 4a. colocação com um desfile homenageando a sua cidade natal com o enredo “Guarujá-Guaryyá: Viagem a Ilha do sol – A verdadeira pérola do atlântico.”

  • Carnavalesco: Claudio Cebola
  • Rainha de bateria: Janaína Paiva
  • Intérprete : Jacaré
  • Mestre Sala e Porta Bandeira: Luizinho e Mari
  • Mestre de bateria : Mestre Pepeu 

COMPOSITORES: ADENÍLSON EUGÊNIO, RICARDO VENEZIANO, BIRA MORENO, ERASMO DIAS, ENFERMEIRO LEONARDO, PAULÃO, MARCELO NASCIMENTO E MÁRIO SOARES

 

6-Mocidade Dependente do Samba – “Dos enigmáticos faraós negros a África Brasil”

Após se manter no grupo especial, alcançando o 6° lugar em 2019, a Mocidade Dependente do Samba almeja vôos mais altos para o próximo desfile.

“Dos enigmáticos faraós negros a África Brasil”, enredo desenvolvido por sua comissão de carnaval trará para a Passarela Dráusio da Cruz a epopeia da raça negra desde os primórdios e sua trajetória de luta, dor, sofrimento e redenção.

Em seus segmentos, destaque para o casal de mestre-sala e porta-bandeira formado por Daniel Vitro e Andress Simpatia, ganhadores do Estandarte Santista em 2019.

  • Carnavalesco: Comissão de carnaval 
  • Mestre Sala e Porta Bandeira:Daniel Vitro e Andress Simpatia
  • Intérprete : Fernandinho Sp
  • Mestre de bateria : Pepeu 
  • Rainha de bateria : Juliana Leones 

Compositores: Júnior Bicalho, Renato Tubarão, Renato da P.A., Santaninha, André Bento Du RAP, Erick Sappão, Bolinha, Vinna do Casqueiro e Leandro Oliveira.

 

7- X-9 Pioneira – “Bertioga – Berço da história do Brasil”

Mais antiga agremiação e maior campeã do carnaval santista (19 títulos oficiais e 7 não oficiais) escolheu a cidade de Bertioga como seu enredo para 2020.

“Bertioga – Berço da história do Brasil” enredo desenvolvido pelo carnavalesco Wallacy Vinicyos, que promete um lindo espetáculo. Toda a sua história, pontos da cidade como Forte São João, Parada de Natal e as festas tradicionais como da Tainha e Camarão na Moranga devem ser destaques na avenida.

Vencedora do Estandarte Santista de melhor samba enredo, a obra da escola também se destaca nesse ano. Assinam a obra Nego di Andrade, Xuxú do Cavaco, Renato da P. A, Marcelo Cruz, Alê Lopes, Edu, Júnior Bicalho, Renato Tubarão, Sérgio Carmo e Walmir

  • Carnavalesco: Wallacy Vinicyos
  • Rainha de bateria: Francine Carvalho 
  • Intérprete: Rafael Forjanes, o Bolinha.
  • Mestre de bateria:Jefferson 
  • Porta bandeira e mestre sala : Thais Paraguassú e Fabiano Dourado 

Compositores: Nego Di Andrade, Xuxú do Cavaco, Renato da P.A., Marcelo Cruz, Alê Lopes, Edu Júnior Bicalho, Renato Tubarão, Sérgio Carmo e Walmir.

 

8 – Grces Vila Mathias – “Sou Vila, sou diversidade, vou contar Dicésar, que felicidade… Adóoogo!”

Com uma exaltação à diversidade, tolerância ao amor e felicidade, a Vila Mathias desfilará em 2020 na avenida. E a trajetória do artista Dicésar será o ponto de partida para a agremiação buscar sua melhor colocação no carnaval santista.

Dicésar, ex-BBB, maquiador e artista performático completa 25 anos de sua primeira apresentação como a drag queen Dimmy Queer declarou ser a maior emoção da sua vida essa homenagem da agremiação.

Outro ponto alto da Vila Mathias será a sua comissão de frente comandada por Wagner Fernandes , atual campeã no quesito do Estandarte Santista.

  • Carnavalesco: Will Passos
  • Rainha de bateria : Tati minerato 
  • Mestre de bateria KAIQUE
  • Intérprete : Chrystian Santos 
Por Douglas São Pedro

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui