RJ – Vem aí um Carnaval de Extrema Superação às Adversidades e à Intolerância…

0
192

 

Para quem de fato ama o carnaval, a espera todo o ano é longa e parece que quando chega o mês de fevereiro, aí sim o tempo demora muito mais a passar, até que os portões da Marquês de Sapucaí se abram e a magia possa invadir todos os espaços, numa explosão de cores, sons e criatividade.

O período de preparação para esse carnaval de 2020 na Cidade Maravilhosa, não teve nada de tranqüilo.

Por questões políticas há muito discutidas, com um viés ideológico muito distorcido, fora da realidade, para esse carnaval carioca, as escolas de samba que vão se apresentar na Marquês de Sapucaí, nada receberam à título de subvenção por parte do poder público municipal, havendo uma esperança de que ainda venha algo do Governo do Estado, que teria atuado na tentativa de conseguir verbas através de empresas interessadas em apoiar a cultura popular com cotas de patrocínio.

O certo é que tudo aquilo que vai ser mostrado na Marquês de Sapucaí veio de recursos financeiros das próprias agremiações carnavalescas e de seus apoiadores diretos.

O poder público carioca, especialmente o municipal, repetidamente desconsidera o carnaval como a grande manifestação cultural carioca por excelência e que esta festa é a grande mola mestre que impulsiona a indústria do turismo no Rio de Janeiro, sendo o maior evento do ramo no ano.

Querer usufruir de todo o dinheiro que o turismo trás por conta do carnaval, que enche a cidade de pessoas de diversas origens, tanto nacionais, quanto internacionais e nada oferecer para subsidiar aos protagonistas deste magnífico espetáculo é algo totalmente injustificado, mas a real é que num futuro muito próximo saberemos se foram medidas aprovadas pela população, ou não.

O certo é que este carnaval carioca é de extrema superação de cada agremiação carnavalesca, que para oferecer o espetáculo admirado pelo mundo inteiro, precisou “virar-se nos trinta”, para pisar na pista de desfiles com um mínimo de dignidade e valorização.

Umas conseguirão com certeza mostrar um melhor resultado do que outras, por diversas circunstâncias do conhecimento de todos, mas é certo que todas as agremiações devem ser aplaudidas do início ao fim, pois muitas foram as dificuldades com certeza pelas quais passaram para pôr este carnaval na rua.

Que sonho seria se tradição, história e comunidade fossem itens avaliados, já que cada agremiação é uma fonte inesgotável de cultura popular e suporte para a comunidade onde estão instaladas.

Deixemos de lado a torcida cega e irresponsável que muitos nutrem, como se fossem verdadeiras facções criminosas e se aplauda à todos, porque detrás de cada desfile haverá superações que muitas vezes não virão ao conhecimento do grande público, mas que foram obstáculos que precisaram ser superados, para que na pista de desfile cada escola pudesse apresentar o seu melhor, mesmo com todas as dificuldades e adversidades que houveram no caminho.

Deixemos para a quarta-feira de cinzas, quando acontece a apuração dos resultados, a nossa torcida mais fervorosa, mas sem nunca perder o respeito pelo pavilhão da agremiação co-irmã, objeto de torcida do nosso semelhante.

Não esqueçamos nunca que a disputa precisa ser saudável e honesta, com a torcida de todos para que quem melhor se apresentar, de fato seja agraciado com o troféu de campeão.

Aquelas agremiações que não alcançarem as primeiras colocações merecem igualmente o nosso respeito e consideração, com o desejo de que suas administrações possam avaliar os erros cometidos e repará-los para o próximo carnaval, pois assim deve ser, para que de novo se tenha uma disputa justa e honrada.

Ao poder público, que consiga enxergar o quanto de magnífico tem o carnaval, enquanto manifestação da cultura popular brasileira e mundial, deixando questões ideológicas e religiosas distorcidas de lado, pois com isso só quem ganha é o povo, que através dos enredos das agremiações assiste à verdadeiras aulas de história, geografia, cidadania e acima de tudo solidariedade, alegria e realização comunitária.

Feliz carnaval de 2020 para todos, mas nunca percamos o foco, já que logo logo 2021 chega por aí, com um desejo de melhores dias para a verdadeira cultura popular que é o carnaval brasileiro.

Por Sidnei Louro Jorge Júnior

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui