RJ – Salgueiro já tem seus sambas semifinalistas e disputa de sábado (05), promete ser eletrizante

0
24
Desfile da Acadêmicos do Salgueiro no Carnaval 2019 no Rio de Janeiro

O GRES Acadêmicos do Salgueiro já tem sambas semifinalistas do concurso que vai eleger ou se tornar o hino para o Carnaval 2020. Das 31 obras inscritas, 05 reproduções na disputa que terá sua final no dia 11 de outubro, conforme norma da escola.

A partir das 20h30, os compositores da Academia do Samba estão preparados para defender suas composições na tentativa de chegar à última etapa como fazer voritos no coração dos salgueirenses. O objetivo é conquistar o público e passar pelo critério da comissão julgadora que, nas últimas semanas, teve a tarefa de escolher quem continuaria no concurso.

Estão classificadas já na ordem de apresentação, como as seguintes parcerias:

SAMBA 22: Moisés Santiago, Josemar Manfredini, Mano Jorge, Alexandre Cabeça

SAMBA 06: Dudu Botelho, Miudinho do Salgueiro, Betinho de Pilares, Jassa, Robson Reis e W.Correa

SAMBA 11: Antonio Gonzaga, Bello, Niuva, Daniel Katar, Mauricio Japa, Diego Tavares

SAMBA 08: Sereno Fundo de Quintal, Tico do Gato, Waltinho Honorato, Anderson Benson, Manelão e Arthur das Ferragens

SAMBA 26: Marcelo Motta, Fred Camacho, Guinga do Salgueiro, Getúlio Coelho, Ricardo Neves e Francisco Aquino

Em 2020, os Acadêmicos do Salgueiro tentam seu décimo campeonato, contando a trajetória de Benjamin de Oliveira, o primeiro palhaço negro do Brasil. “O Rei Negro do Picadeiro” é o terceiro contrato assinado por Alex de Souza para uma vermelha e branca que será a terceira escola a ser desfocada na segunda-feira de carnaval, 24 de fevereiro.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui