RJ – Rocinha (rebaixada) é prejudicada por erro de julgadora

0
1425
Foto: Alexandre Durão

Após leitura das notas referente ao carnaval na Série A/RJ em 2020, A Imperatriz sagrou-se campeã do grupo administrado pela LIERJ, garantindo assim seu retorno ao Grupo Especial em 2021. Na outra ponta da tabela, o Acadêmicos da Rocinha e a Renascer de Jacarepaguá saíram como as duas escolas rebaixadas para o Grupo Especial da LIESB (Espécie de Terceira Divisão) e no próximo carnaval vão desfilar na Estrada Intendente Magalhães.

Na noite de ontem (19), a LIERJ divulgou as justificativas do mapa de notas. Em relação ao julgamento do Acadêmicos da Rocinha, chama atenção o erro da Julgadora Marlene C. Caetano, do quesito Mestre Sala e Porta Bandeira. Marlene atribuiu no Mapa, um 9.8 ao casal da escola da Zona Sul, Vinicius Jesus e Viviane Oliveira. Mas ao justificar a penalidade, a mesma se contradiz e retira apenas 0,1. Inclusive ratifica a justificativa diferente da nota, ao escrever por extenso o único décimo que a escola deveria perder no quesito em questão.

Apesar da falha no julgamento, a reparação não alteraria o resultado, pois o Acadêmicos da Rocinha ficou 0,7 da Penúltima colocada (Unidos da Ponte) e 1,3 da Acadêmicos do Vigário Geral, 11 colocada.

Afim de obtermos informações de profissionais da agremiação, entramos em contato com o carnavalesco Marcos Paulo, que preferiu não comentar sobre o assunto.

 

Por Waldir Tavares

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui