RJ – RioTur “A corte eleita permanece com a formação divulgada no dia 12”

1
2007
Foto: Fernando Maia/Divulgação

Desde o ultimo Domingo, logo apos a eleição da corte que reinará no carnaval carioca em 2020, que o único assunto é a polemica causada em entrevista para um veículo de carnaval, onde as duas princesas não disfarçam que reprovaram o resultado que consagrou a paulista Camila Silva como rainha do Carnaval Carioca para 2020. Ontem tanto Cinthia Camillo quando Deisiane de Jesus tentaram se defender nas redes sociais, porem foram duramente criticadas e o assunto tomou proporção nacional.

Após polemica sobre o descumprimento ou não do regulamento no que se refere a falta de conduta e comportamento por parte das princesas Deisiane e Cinthia, gerou-se especulações sobre a desclassificação das musas para a corte do carnaval carioca de 2020.

Entramos em contato com a assessoria de comunicação da RioTur, que se manifestou alegando que a informação não procede e “A corte eleita permanece com a formação divulgada no dia 12“.

A Riotur entende que tudo que foi dito se trata de opinião pessoal não afetando o resultado do concurso.

Por Henrique Sathler

1 COMENTÁRIO

  1. Pode não ter afetado o resultado do concurso, parece ter sido óbvio e ainda bem que esse mesmo concurso não foi contaminado com esse bairrismo exposto pelos demais elementos da corte. Agora por toda a falta de decoro dos demais elementos da corte ( exceto a rainha) a instituição organizadora não aplicar nenhuma sanção ficou estranho.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui