RJ – Compositor portelense acusa cantora Adele de plágio em sucesso na voz Martinho da Vila

0
458

Com centenas de canções gravadas, incluindo alguns clássicos, e autor de grandes sucessos do samba e do pagode, Toninho Geraes prepara um processo contra a britânica Adele. O compositor acusa a cantora e compositora britânica de plagiar “Mulheres”, sucesso eternizado na voz de Martinho da Vila, em “Million Years Ago”, faixa que faz parte do álbum da cantora “25”, lançado em 2015.

Toninho Geraes – Foto Wallace Mendonça

Toninho descobriu o suposto plágio somente no início do ano passado. O caso foi revelado pela revista Veja, que teve acesso às duas notificações extrajudiciais enviadas para Adele, para a gravadora XL Recordings/Beggars Group, para o grupo Sony Music e para o produtor Greg Kurstin.

Em 2015, Adele bateu a marca de um bilhão de visualizações no clipe da música Hello em apenas dois meses e 28 dias

Segundo a defesa do compositor brasileiro, a intenção inicial era tentar um acordo. Diante do silêncio, porém, acena com a judicialização do caso. E afirma que em termos técnicos, 87% da produção de Adele é idêntica ou muito semelhante à de Toninho, que pode receber tudo o que a cantora lucrou com “Million Years Ago“. Todo o material está sendo traduzido para ser anexado ao processo, que será protocolado na Justiça britânica no início de outubro por meio de um correspondente do escritório em Londres.

OUÇA AS VERSÕES SOBREPOSTAS

Toninho Geraes possui um carreira brilhante que produziu pérolas como Mulheres, sendo interpretada por Emílio Santiago, Simone, Chitãozinho e Xororó e Zeca do Trombone, além da marcante performance de Martinho da Vila.

O portelense Toninho já participou de disputas de sambas-enredo de algumas escolas do Rio de Janeiro, sendo vice algumas vezes. Entre elas disputou na sua Portela, Salgueiro, São Clemente, Unidos de Vila Isabel, Estácio de Sá e União de Jacarepaguá.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui