Foi um carnaval de muitas opções para todos os gostos pelo Brasil, mas que se curtiu de forma virtual

0
112

 

Sob todos os aspectos esse foi um carnaval muito diferente, sob vários pontos de vista, caracterizando-se sobretudo por ter sido um carnaval de “lives”, frente ao momento de pandemia pelo qual passamos nesse momento, o que impediu a realização dos desfiles carnavalescos, como até então aconteciam.

Foram realizadas lives das mais variadas formas e pelas mais diversas organizações da sociedade, ligadas direta ou indiretamente à maior festa popular do nosso país.

No nordeste, com maior destaque para a Bahia, o carnaval de blocos e trios elétricos, que arrasta multidões pelas ruas de Salvador, passou para a tela do computador, com os principais artistas que todos os anos brilham em cima dos trios elétricos.

Trio Elétrico em Salvador

Lives também não deixaram de fora outras manifestações características desse momento de carnaval como o frevo, os blocos e os maracatus de Pernambuco.

Falando-se de São Paulo, a Liga Independente das Escolas de Samba da capital paulista realizou a transmissão de desfiles antigos e de destaque das agremiações filiadas ao órgão, transmissões estas que iniciaram na noite da última sexta-feira e terminaram já na madrugada desta “terça-feira gorda”.

Vai-Vai – Desfile de 2016

Nessas transmissões feitas pela Liga-SP, além de não deixar o carnaval passar em branco, o objetivo principal foi o de valorizar um grande momento de cada agremiação paulista, filiada à Liga, desfilando no Anhembi, desde a inauguração da passarela há trinta anos. Destaque para o fato de que a Liga-SP possui em seu acervo filmagens próprias dos desfiles no Anhembi, tendo por isso utilizado de imagens próprias, assim como imagens cedidas pela Rede Globo para a realização dessas transmissões realizadas.

Ainda no tocante à São Paulo houveram lives realizadas pelas próprias agremiações paulistas e por alguns sites especializados em carnaval. A Dragões da Real mesmo através de suas redes sociais lançou um vídeo onde deu publicidade às fantasias que a escola vai vestir em seu próximo desfile no Anhembi.

No Rio de Janeiro a Marquês de Sapucaí recebeu iluminação especial, com as cores das agremiações da cidade, também como forma de lembrar e homenagear as vítimas dessa pandemia que assola nosso país, onde muitos sambistas também foram vítimas do vírus.

Marquês de Sapucaí e Apoteose – Iluminação em 2021

Essa iluminação instalada na Sapucaí estará presente até o próximo sábado, dia 20 de fevereiro, quando seria realizado o Desfile das Campeãs numa situação normal. Marquês de Sapucaí e a Apoteose ficarão iluminadas todas as noites até meia-noite.

Por parte da LIESA, entidade que reúne as agremiações de elite do carnaval carioca, não houve diretamente qualquer tipo de evento programado pela entidade representativa das escolas do Rio.

Unidos do Viradouro – Desfile de 2020

De parte da Rede Globo, que detém os direitos de imagens do desfile das escolas de samba da Cidade Maravilhosa, foi organizada programação na qual a proposta apresentada pela organização foi a de mostrar desfiles inesquecíveis, tanto de agremiações cariocas, quanto de escolas paulistas, acontecendo ao final a eleição de dois desfiles considerados como que os melhores desfiles de todos os tempos, um desfile do Rio e outro de São Paulo.

No geral essas transmissões da Globo, que aconteceram nas noites de sábado e de domingo não agradaram ao público cativo do carnaval, pelos desfiles apresentados, mas também pela forma como se deram as apresentações, que não passaram de compactos e sem o som original da avenida.

Beija Flor de Nilópolis – Desfile de 1989

Encerrada a transmissão da Rede Globo, foram anunciados como melhores desfiles de todos os tempos Beija Flor de Nilópolis, carnaval de 1989, com o enredo “Ratos e Urubus, larguem a minha fantasia” do gênio Joãosinho Trinta, representando o Rio de Janeiro e para os lados de São Paulo o desfile eleito foi o da Gaviões da Fiel, carnaval de 2003, com o enredo “As Cinco Deusas Encantadas na Corte do Rei Gavião” do carnavalesco Jorge Freitas.

Um sucesso de público e crítica foram as transmissões realizadas no canal “Boi com Abóbora” no YouTube, que na sexta e no sábado de carnaval reprisou grandes desfiles realizados na Marquês de Sapucaí, inclusive com a formação de um corpo de jurados que atribuiu notas a estes desfiles reprisados e nesta quarta-feira de cinzas haverá a apuração dos resultados.

Esse canal enfrentou problemas nas transmissões do sábado, que teve seu sinal interrompido quando a Unidos da Tijuca, com seu desfile de 2004, estava na pista de desfiles virtual, criada por Fábio Fabato, André Rodrigues e João Gustavo Melo. Comentários indicam que a suspensão da transmissão se deu por ação da Rede Globo, que detém os direitos de imagem do carnaval que desfila na Sapucaí.

Também no Rio de Janeiro esses dias de carnaval que acabou não ocorrendo foram usados por algumas agremiações para a realização de lives, com o objetivo de não deixar o samba cair no esquecimento, assim como valorizar os grandes desfiles de cada agremiação, desfiles estes que renderam grandes momentos na pista da Sapucaí.

Houveram agremiações cariocas, que através de seus carnavalescos publicizaram fantasias que serão apresentadas no próximo desfile de suas escolas, situação esta que aconteceu na Império da Tijuca e na Unidos de Padre Miguel, ambas desfilando no grupo de acesso, com a forte intenção de obterem uma vaga no grupo principal das escolas de samba do Rio.

No caso da Estação Primeira de Mangueira esses dias de carnaval serviram para a realização do Viradão do Carnaval Verde e Rosa, onde em três dias de transmissões a escola fez a apresentação dos sambas que inscreveram-se para concorrer ao posto de ser o samba oficial da escola em seu próximo desfile na Sapucaí, com a eliminação de sambas durante as semifinais realizadas nesse viradão.

Viradão do Carnaval Verde e Rosa 2021

Ainda durante o desenrolar desta “terça-feira gorda”, novas lives deverão acontecer nos canais e redes sociais dos órgãos e instituições ligados ao carnaval, que durante todo o ano cobrem as quadras das escolas e estão sempre ávidos por novidades do mundo do samba.

Para fechar essa programação de terça-feira, a Beija Flor de Nilópolis programou uma livre que deverá iniciar às 18:00 horas, direto da quadra da agremiação nilopolitana, live está que será transmitida no Instagram da Deusa da Passarela.

Pode ser uma imagem de texto

Como já referido a live deverá ser feita direto da quadra da Deusa da Passarela, sem a presença do público, em respeito aos protocolos que precisam ser seguidos neste momento de pandemia. A escola anunciou a presença das estrelas do elenco, que irão conversar e contar sobre esse ano tão diferente para todos os amantes do samba e do carnaval.

A apresentação da live deverá estar nas mãos de Selminha Sorriso e Dudu Azevedo, devendo haver a presença de Neguinho da beija Flor, intérprete oficial da escola desde o carnaval de 1976, o qual deverá cantar sambas antológicos da escola, juntamente com convidados.

A escola nilopolitana ainda prometeu para depois da live a liberação dos dez sambas finalistas para o Carnaval de 2022, todos na voz do Neguinho da Beija-Flor, desfile este no qual a escola deverá apresentar o enredo Empretecer o pensamento é ouvir a voz da Beija-Flor” do carnavalesco Alexandre Louzada.

Com seu próximo desfile na Sapucaí a Beija Flor buscará sua décima quinta estrela.

Por Sidnei Louro Jorge Júnior

 

 

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui