A promessa do bumbá Caprichoso para o encerramento do festival, nessa noite de domingo é a apresentação da proposta de reinvenção do País e da necessidade de resistência e luta

0
11

Nessa terceira noite de festival, com o subtema “O Brasil que a gente quer reinventar”, o bumbá azul quer conclamar o povo a resistir contra todas as injustiças e desmandos que hoje se observa em nosso país.

Nessa noite derradeira do festival de 2019 o bumbá vai trazer a história das Lavadeiras da Francesa e exaltação a três figuras de guerreiras indígenas.

É esperada para essa noite de domingo a alegoria Matriarca, que vem representando as Mestras do Saber. O Caprichoso também apresentará a lenda amazônica ‘Caximarro. No momento tribal haverá a apresentação da Serpente Dinahí.

É expectativa ainda para esta última noite deve acontecer na Marujada de Guerra, já que há a perspectiva de que aconteça uma mudança em seus trajes em plena apresentação.

É IMPORTANTE RESISTIR, essa é a grande mensagem que quer o Caprichoso deixar, fechando este 54º Festival Folclórico.

Foto: blogdafloresta

por Sidnei Louro Jorge Júnior

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui